quarta-feira , 14 junho 2017
Capa > Biografias > Lygia Clark é homenageada pelo Google

Lygia Clark é homenageada pelo Google

Seja bem vindo(a)

Você está na categoria Biografias, leia sobre Lygia Clark é homenageada pelo Google, e outros relacionados sobre Biografias e faça bom uso do conteúdo!
Compartilhe!

Nesta sexta-feira (23), a artista Lygia Clark recebe homenagens do Google pelo ano em que seria seu 68º aniversário

 

lygia-clarks-95th-birthday

Lygia Clark começou estudar artes no ano de 1947 quando morava no Rio de Janeiro, naquela ocasião ela recebia sempre  orientações de Roberto Burle Marx e Zélia Salgado.

Lygia Clark é homenageada pelo Google

Lygia Clark viajou à Paris

No ano de 1950, Lygia Clark fez sua viagem para Paris, lá ela morou um tempo onde estudou com Arpad Szènes, Dobrinsky e Léger. A dedicação da artista era voltada para os estudos de escadas e desenhos de seus filhos, também deu início aos seus primeiros óleos.

Depois de algum tempo em Paris, após sua participar de sua primeira exposição individual, no Institut Endoplastique, em Paris, em 1952 Lygia Clark retornou ao Rio de Janeiro e expõe no Ministério da Educação e Cultura.
Lygia Clark viajou à Paris
Lygia Clark foi uma das primeiras pessoas a fundar o Grupo Frente criado no ano de 1954. Nesta época ela se dedicou ao estudos do espaço e também da materialidade do ritmo. No ano de 1954 Lygia Clark participa da série “Composições”, da Bienal de Veneza e repetiu sua participação do mesmo evento no ano de 1968, foi convidada a fazer sua exposição sobre toda a sua trajetória artística até aquele momento em em uma sala especial.

Lygia Clark mudou sua experiência

Lygia Clark mudou sua experiência

Depois de muito tempo trabalhando com maleabilidade de materiais duros, sua experiência se converte em artes com material flexível. Lygia Clark começa então a usar a matéria mole deixando de lado a madeira e se dedicando mais ao material metal flexível dos “Bichos” além da chegada à borracha em sua obra “Obra Mole, 1964”. Porém a transferência de poder, ou seja, do artista para o propositor, certamente chegou a um novo limite em “Caminhando, 1963”.

Lygia Clark mudou sua experiência
Lygia Clark com sua trajetória indefinida faz dela uma artista atemporal e meio sem nenhum lugar oficialmente definido na História da Arte. Ela mesma e também suas obras  estavam sempre fugindo de suas categorias ou situações. Lygia diminui o ritmo em que vinha desenvolvendo suas atividades e no ano de 1983 é publicado o “Livro Obra”, este foi uma verdadeira obra aberta que por meio de textos seus escritos por ela própria acompanha a trajetória da obra de Lygia desde as suas primeiras criações até o final de sua fase neoconcreta.

Lygia Clark Obras
No ano de 1986, no Paço Imperial do Rio de Janeiro, foi apresentado o IX Salão de Artes Plásticas, o evento teve uma sala especial dedicada especialmente a Hélio Oiticica e Lygia Clark. Esta exposição foi a única grande retrospectiva da história de Lygia Clark quando ainda estava em atividade artística.

No mês de abril de 1988, Lygia Clark falece.

Compartilhe!


O que acha? Adicione um comentário.
Este artigo sobre Lygia Clark é homenageada pelo Google, aborda alguns assuntos relacionados com Biografias, óleo de rins e foi atualizado em 2015-10-23