segunda-feira , 14 agosto 2017
Capa > Saúde > Gravidez > Desenvolvimento do feto na gestação

Desenvolvimento do feto na gestação

Compartilhe!

concepcao

Concepção

A concepção acontece quando a mulher ovula, ou seja, duas semanas após o início da última menstruação, quando a concepção acontece você já pode se considerar grávida, esta é a união entre um óvulo da mulher com o espermatozoide. Essa junção dará origem ao que chamamos de zigoto, que após uma série de divisões celulares se instala no útero.

É hora da placenta também dar início ao processo de formação e ao mesmo tempo envolver o embrião por um líquido amniótico, que será responsável pela nutrição e alimentação do embrião além de dar toda segurança caso a venha a cair ou sofrer algum movimento brusco.

Primeiro mês

Desenvolvimento do feto no primeiro mês

Desenvolvimento do feto – Primeiro mês

Saber o dia exato em que ocorreu a fertilização do óvulo é um tanto impossível, por isso o médico usará como base o último ciclo menstrual para iniciar a contagem da idade gestacional. Sendo assim, oficialmente a primeira semana da gravidez será considerada na verdade a semana em que ocorreu a sua última menstruação. Podemos levar em conta então que a idade gestacional será de duas semanas mais da idade real do bebê.

O óvulo da mulher será liberado em duas semanas depois do primeiro dia da menstruação e entre 12 e as 24 horas seguintes, cerca de 350 milhões de espermatozoides terão que nadar em todo o trajeto na tuba uterina atravessando o útero até alcançar um dos óvulos e acontecer a fertilização. Ao fim do primeiro mês, o embrião já mede entre 0,4 cm e 0,5.

Segundo mês

Desenvolvimento do feto - Segundo mês

Desenvolvimento do feto – Segundo mês

Chegamos ao segundo mês de gestação e podemos afirmar que o coração do bebê já está praticamente formado e já bate de forma acelerada, o batimento nesta idade é de aproximadamente 150 vezes por minuto. Com um comprimento medindo cerca de 4 cm, o embrião chega em uma fase que começa a formação do sistema nervoso, circulatório, respiratório além dos aparelhos digestivo do corpo. Nesta idade também inicia-se discretamente o processo de formação dos olhos, nariz, boca além dos braços e as pernas.

Outros órgãos principais do corpo humano como os rins e o fígado também iniciam o processo de crescimento, o intestino também começa a se desenvolver e o apêndice já está no lugar.

Nessa idade gestacional, uma mudança que a mãe pode perceber é o aumento do volume total de sangue circulando em todo o corpo. Os médicos afirmam que até chegar ao final da gestação, a mãe do bebê estará com uma média de 45% e 50% a mais de sangue correndo nas veias, este aumento tem um objetivo principal que é atender a demanda para sustentação do bebê. Por este motivo é que acontece de muitas mulheres (nem todas) sofrer uma sobrecarga no sistema de circulação de sangue causando muitas vezes varizes e hemorroidas.

Terceiro mês

Desenvolvimento do feto - Terceiro mês

Desenvolvimento do feto – Terceiro mês

No terceiro mês de gestação, inicia o período fetal que é caracterizado pelo desenvolvimento e formação do esqueleto humano como costelas, dedos de mãos e pés além de todos os outros órgãos internos que também estarão formados até o fim do mês. Os membros que mais cresce são as pernas que estão ficando compridas, porém ainda é quase impossível saber através de ultrassom se está esperando um menino ou uma menina.

Ainda nesta fase, os braços do bebê já estão maiores além de conseguir flexionar os cotovelos. Apesar de ainda não ser possível ver se é menino ou menina, os órgãos genitais do bebê já estão formados. Se alguém mexer na barriga da mãe o bebê já terá alguma reação, apesar de muitas vezes a mãe não perceber, nesta fase ele já responde a esse estímulo. O bebê já é capaz de ter alguns reflexos, por exemplo, ele fecha os dedinhos se algo tocar na palma da mãozinha dele assim como os dedos dos pés se curvam.

Quarto mês

Desenvolvimento do feto - Quarto mês

Desenvolvimento do feto – Quarto mês

Nessa fase, o bebê começa a dar seus primeiros sinais de movimentos dentro do útero, inicia também a percepção de alterações de luz e saber diferenciar gostos amargos e doces. A expectativa para saber qual será o sexo da criança é muito grande nesta fase, geralmente, entre 12 a 18 semanas de gravidez iniciam as possibilidades de identificação para saber se a criança será uma menina ou um menino.

Geralmente são mais fáceis de identificar os meninos, já as meninas costumam demorar mais tempo para saber. Mas tudo depende do momento da ultrassom, a posição em que o bebê esteja no momento pode também atrapalhar a identificação e fazer a mãe esperar mais alguns dias.

Os sintomas que ocorrem durante o período da gravidez pode variam muito de acordo com cada pessoa, esteticamente ficarão cada vez mais evidentes as novas curvas que estão surgindo no corpo da mãe.

A primeira alteração visível no corpo é o tamanho da barriga que também pode variar de acordo com cada pessoa, nesse período a barriga não está tão acentuada como talvez você gostaria, mas, lembre-se que ainda estamos no quarto mês e o abdômen tende a crescer com muita rapidez e dependendo da pessoa poderá sentir um pouco dolorido.

Nessa fase, algumas coisas acontecem como os enjoos podem diminuir ou acabar, seu peso aumentará, sua irritabilidade pode diminuir, os músculos e as articulações estarão mais relaxados e a libido tende a retornar com força total.

Quinto mês

Desenvolvimento do feto - Quinto mês

Desenvolvimento do feto – Quinto mês

No quinto mês de gestação é fase em que começa a nascer os primeiros pelinhos, fios de cabelo, assim como os cílios e as sobrancelhas. Agora podemos dizer que será mais fácil descobrir se a criança será uma menina ou um menino pois já está em um tamanho em que favorece a ultrassom e os movimentos nessa fase da gravidez serão cada vez mais constantes. No quinto mês se formam as trompas e o útero nas meninas, nos meninos já será possível ver os órgãos genitais com o exame de ultrassom. Um dos movimentos mais comuns da criança nessa fase é franzir a testa e chupar o dedo.

O comportamento da mãe nessa fase pode sofrer algumas mudanças repentinas, maiores instabilidades emocionais podem aparecer de vez em quando, a mãe poderá sentir irritações e mudanças de humor como se fosse uma TPM. Tudo envolve o assunto gravidez nesta fase, há também um amplo sentimento mais aflorado em relação a aceitação da realidade de que está “grávida”. Poderá nessa fase sentir falta de concentração.

Sexto mês

Desenvolvimento do feto - Sexto mês

Desenvolvimento do feto – Sexto mês

Agora o bebê já consegue identificar sons externos e está medindo em média de 25 a 30 cm, o que mais a criança reconhece é principalmente a voz e a respiração da mãe. Começam a ficar mais visíveis através da ultrassom os lábios e sobrancelhas, nas pontinhas dos dedos começam a aparecer sulcos que logo em breve vão se tornar as impressões digitais.

Também nessa fase de crescimento, começarão se abrir as pálpebras lentamente, assim como alguns órgãos já funcionam normalmente como o aparelho digestivo, o intestino grosso onde passará parte do líquido amniótico. Na mãe, alguns desconfortos como pressão pélvica, cãibras nas pernas e algumas varizes poderão aparecer até o final da gravidez por causa da má circulação do sangue.

A mãe da criança poderá se sentir com mais disposição no sexto mês de gravidez, porém essa energia toda não vai ser por muito tempo, nessa fase a barriga está cada vez maior e consequentemente será mais peso para ser carregado. Nesta fase também sentirá um aumento na libido, isso vai agradar o marido durante o sexto mês.

Sétimo mês

Desenvolvimento do feto - Setimo mês

Desenvolvimento do feto – Setimo mês

O bebê no seu sétimo mês já está bem formado, sua medida varia entre 30 cm e 35 cm, no final do sétimo mês, a criança já terá os pulmões quase totalmente formados, nessa fase o bebê consegue fazer alguns sinais dentro do útero como bocejar, movimentar os olhos abrindo e fechando e se movimenta normal além de dormir. Os órgãos internos continuam crescendo e ele ouve e reage a estímulos sonoros, como músicas e conversas.

Ainda no sétimo mês o bebê poderá distinguir o gosto das coisas como doce e salgado e atender a alguns estímulos utilizando o choro, estas são algumas das novidades que o bebê já pode experimentar de acordo com o crescimento.

Na mãe poderá ocorrer também algumas reações que por sinal são normais nesse período mas que podem ser evitadas, são elas cãibras nas pernas, prisão de ventre, inchaço dos tornozelos, azia, dificuldade de digestão, inchaço nos pés e mãos. Outros sintomas que também podemos destacar são dores de cabeça e em algumas pessoas ocorrem desmaios e tontura. Apesar de ser normal nessa época, é sempre bom estar sempre em contato com seu médico fazendo o acompanhamento necessário da gravidez e da saúde da criança

Oitavo mês

Desenvolvimento do feto - Oitavo mês

Desenvolvimento do feto – Oitavo mês

É no oitavo mês que o bebê começa a se preparar tomando posições de parto virando de cabeça para baixo. Medindo quase 45 cm, os pulmões começaram a se preparar e estão quase prontos para quando nascer ter uma respiração normal fora do útero, outro destaque nessa fase é que os ossos tornam-se mais resistentes para aguardar o nascimento.

Cria-se no oitavo mês, uma camada formada por gordura envolvendo toda a pele, que servirá para ajudar manter a temperatura natural do bebê no momento e depois do parto. Apesar do cansaço físico da mãe por consequência do bebê já estar grande, nessa fase ele já consegue se movimentar muito, chutar e girar, é também um período emocionante e muito gostoso sentir os movimentos que faz a barriga dar muitas voltas, principalmente na região do abdômen, a qualquer momento poderá aparecer algumas marcas na barriga em forma de um calcanhar, cotovelo ou o pezinho do bebê.

Nono mês

Desenvolvimento do feto - Nono mês

Desenvolvimento do feto – Nono mês

Na reta final desse processo de gestação, está por poucos dias para a criança vir ao mundo com muita saúde. Em algumas pessoas, a ansiedade pode querer tomar conta mas é bom ficar tranquila nesse período pois o bebê precisa sentir que a mãe está feliz. Geralmente no último mês de gravidez, a criança ficará sempre dormindo e descansando na maior parte do seu tempo esperando o momento certo do parto.

O mais ideal é que o parto aconteça depois da semana 38, nessa fase o bebê  já consegue controlar sua respiração e esta medindo cerca de 45 cm até 50 cm, o corpo da criança já está com todos os seus órgãos formados.

Por causa do tamanho do bebê nessa última fase, os órgãos internos da mãe ficarão um pouco pressionados pelo útero e isso pode causar alguns sintomas como falta de apetite, falta de ar (se a falta de ar for por causa de gripe é necessário avisar ao seu médico) e outros desconfortos, porém mantenha sua alimentação normal e jamais fique sem comer. O ideal para burlar a falta de apetite é fazer várias pequenas refeições ao longo do dia.

Enfim, nesse ponto só resta aguardar o nascimento para ver a carinha de mais uma linda criança que está para vir ao mundo. A qualquer momento entre as quatro semanas (36 a 40) do nono mês a criança pode nascer.

Conte sua experiência

Se você está grávida ou já teve filhos, conte sua experiência de mãe durante seu período de gestação, troque opiniões com outras pessoas sobre este assunto que é muito interessante para todos…

Boa gestação…

Compartilhe!

O que acha? Adicione um comentário.

9 comentários

  1. Só um comentário para pessoa que escreveu la em cima assim… 
    Só Deus mesmo pra fazer algo tão perfeito como a gestação de uma criança… 
    Meu anju nao é a gestação de uma criança,é a gestação de uma mulher que está gerando uma criança, a onde vc viu alguma criança em gestação?que eu processo a mãe!!

  2. Obrigado pela ajuda vlw!!! inprecionante!

  3. cade o resto das semanas ai so tem16: 4meses

  4. nossa ainda bem que foi cesariana para a mamãe mas ele é lindo

  5. nossa kara realmente muito legal as informaçaes passadas
    para quem pretende se formar em medicina

  6. Esses videos,fotos ajuda nos mãe a compreender melhor alguns processos de desevolvimento do nossos bebês.Obrigado por nos ajudar.

  7. muito bom!!!!Obrigado pela ajuda!!!

  8. Super interessante; só Deus mesmo pra fazer algo tão perfeito como a gestação de uma criança… Surpreendente!!!

Este artigo sobre Desenvolvimento do feto na gestação, aborda alguns assuntos relacionados com Gravidez, Saúde, concepção quando acontece, bebê dentro do útero da mãe, desenvolvimento do bebê dentro do útero, dor di cabesca na testa, em quantos dias acontece a concepção, psicomotor na gestaçao do feto, quando comecam a diminuir os incomodos da gravidez e foi atualizado em 2015-11-05
Compartilhar
Compartilhar